17 de fevereiro de 2014

Creme Brulee de Doce de Leite



Fotos by Ana Szilagyi e Eric Szilagyi (meu filho me ajudou muito tirando a maioria das fotos para esse post e também fazendo os videos.)  :)

A sobremesa preferida do meu marido é Crème brûlée, então no fim do ano passado resolvi fazer meu primeiro.

Morria de medo de fazer, pois para mim sempre pareceu tão difícil. Tinha medo de cozinhar as gemas e tudo virar uma "gororoba".

Para minha surpresa é muito fácil.

Já fiz o classico que é maravilhoso, de abóbora que é excellente e hoje aqui vou passar a receita do de doce de leite que achei simplesmente, divino. (Vou também passar as substituições para o de abóbora e o clássico).

Obs.: Nas fotos você vai reparar que  as quantidades usadas são um pouco maiores do que as que eu descrevo abaixo, isso porque fiz 1 receita e 1/2.

Tempo de preparo: 20 min.
Geladeira: 2h (mínimo)
Forno: 45 min.
Rende: 6 ramekins


Ingredientes:

1 litro de creme de leite fresco
1 fava de baunilha
1/4 de xíc. de açúcar (e mais 1/2 xic. para fazer a "casquinha")
6 gemas de ovos (grandes)
3 colheres de sopa de doce de leite (eu usei aquela da latinha)
Àgua fervente (para colocar na forma e cozinhar o creme em banho maria)




Modo de preparo

1. Pré aqueca o forno à 165C. e coloque uns 2 litros de àgua para ferver.

2. Em uma panela pequena junte o creme de leite fresco a polpa da baunilha e a fava da baunilha. Leve ao fogo até ferver, desligue.
Remova a fava da baunilha. (Uma dica para reusá-la é enxaguar o creme que ficou grudado nela, enxugar levemente com um guardanapo e coloca-la no pote de açúcar. O cheiro e gosto ficam ótimos).
Em seguida esquente o doce de leite no microondas o suficiente para amolecê-lo (+ou_ 25 seg. no meu microondas) retire-o e misture-o com o leite quente. Reserve e deixe esfriar por 15 minutos.

3. Na batedeira  coloque 1/4 de xícara  de açúcar e as 6 gemas de ovos. Bata até que fiquem mais claras uns 3-4 minutos (é bem importante bater até que a mistura fique amarela clara. Se bem batido o creme ficará super cremoso). Quando a mistura estiver amarelo claro, devagarinhoooo acrescente a mistura de leite morna e vá batendo continuamente até tudo estar bem misturado.

4. Coloque os ramekins em uma forma funda. Divida a mistura entre os ramekins.
Com MUITO CUIDADO despeje a àgua fervente na forma até a àgua alcançar a metade dos ramekins.
(A dica é remover um dos ramekins para facilitar colocar a àgua fervente na forma. Veja no video.)

ATENÇÃO: A àgua não é para ser despejada dentro dos ramekins. Você deve colocar a àgua na forma para assá-los em banho maria, como um pudim.

5. Asse até que o creme fique firme nas bordas, mas "trêmulo" no centro, mais ou menos de 40 a 45 minutos.

Retire a forma do forno e os potinhos da àgua para que o cozimento pare mais rápido. Refrigere-os por no mínimo 2h e no máximo 3 dias.
Eu prefiro quando ficam na geladeira por 24 horas.


Agora a parte da "casquinha de açúcar"


Você só precisa polvilhar uma colher de sopa de açúcar em cima de cada pontinho e queimar o açúcar, com maçarico culinário ou usando o grill do seu forno.Você pode até repetir essa etapa da camada se gostar bem crocante. (clique no link to video, que fiz, para ver o modo de preparo e a parte do maçarico)

Eu sempre uso um maçarico culinário, mas sei que você também pode ligar o grill do seu forno e colocar os potinhos bem perto do grill quando este já estiver bem quente, para só derreter o açúcar e não esquentar o creme.

Filminho do modo de preparo do creme brulee



Sugestão de Modificações

Para o crème brulèe de abòbora 

Não acrescente o doce de leite
Aumente o açúcar para 2/3 xicara
2/3 xícara de polpa de abóbora cozida ou assada
Acrescente 1 ou 2 colheres de chá de canela

(Para o açúcar da "casquinha" desse crème brulèe eu misturei açúcar branco, açúcar mascavo e uma pitada de canela)


Para o Clássico 

Não acrescente o doce de leite
Aumente o açúcar para 2/3 de xícara.


Escrevi bastante para tentar ser clara. Não sei se consegui.
Qualquer dúvida, por favor, deixe um comentário.

Beijinhos
Ana





6 de janeiro de 2014

Para começar 2014!



Essa salada é muito gostosa e fácil de fazer!

A primeira vez que fiz foi para comemorar o ano novo, já repeti hoje e com certeza,vou repetir a semana que vem.

A ideia é simples; corte bem fino os vegetais que você deseja, alterne estes com uma folha (alface, agrião, rúcula, espinafre), cebola e um tempero com limão ou vinagre de sua preferência.

A primeira fiz um pouco diferente dessa e com certeza a terceira também será diferente, mas ela sempre vai ser uma delícia.

Para cortar os vegetais bem finos usei um mandoline.


Minha primeira camada foi de umas 3 camadas de abobrinha.


 Em seguida reguei com meu tempero. (No fim do post dou a receita)


Depois uma camada de cenouras.


Uma camada de folhas (inclui manjeiricão)


Uma camada de cebolas seguidas do tempero.


Outra camada de abobrinhas, dessa fez amarela. (e mais tempero)


Uma camada de salsão e um pouquinho de alecrim.



E fatias de laranja bem finas para finalizar.



Não fica linda!


Você pode servir em seguida, mas eu cubro com papel alumínio, aperto e deixo no mínimo 2 horas dentro da geladeira.


Quando retiro da geladeira aperto novamente. 


O bom dessa salada é que mesmo depois de um bom tempo ela ainda é gostosa.

Para cortar a salada use uma faca bem afiada.




Tempero

Para fazer o tempero você não precisa de nada mais que vinagre ou limão, azeite e sal, mas eu usei duas "coisinhas" que também estou apaixonada:

1. Vinagre demaracujá 

Fui em um supermercado aqui em NY que digamos, é bem "chiquinho". Lá um lindo vidrinho com um conteúdo  amarelo me chamou a atenção; era um vinagre de maracujá e uns 180ml custavam 14 dólares.
Li os ingredientes e fiz em casa! ;)
E eles são apenas:
40% de vinagre branco e 60% de polpa de maracujá ou suco concentrado. (Sabe aquele da garrafinha)

Só isso e você tem um vinagre deliciosooooo!


 2. Redução de vinagre balsâmico 

Bem se você ainda não provou isso, tem que provar.
Desde que fiz a minha primeira, há um ano, não consigo ficar sem.

Compre um vidro de vinagre balsâmico coloque em uma panela em fogo médio, reduza até a metade e está pronto.
Você pode também acrescentar alguns outros "sabores" ao seu vinagre, mas esse é outro post e na minha opinião só o vinagre basta.

Obs. Faça essa redução em lugar ventilado, pois alguns vinagres fazem os olhos arderem um pouquinho. (Nada insuportável.)


Para meu tempero usei;

1/2 xícara de vinagre de maracujá
1 colher de sopa de redução de vinagre balsâmico.
1 colher de sopa de azeite
Sal a gosto




Espero que gostem!

beijinhos
Ana

11 de julho de 2013

Vela de mexerica


Amo velas!..
..E quando vi essa pela primeira vez, há um bom tempo atrás, me apaixonei.

Eu  já tinha postado no facebook o tutorial original, mas ontem, na hora da sobremesa eu e as crianças resolvemos aproveitar as cascas, novamente.

Fizemos duas uma durou cerca de 30 min., pois o pavio (natural) era pequeno e também porque colocamos pouco azeite.

A segunda durou mais de 2 horas. 




Material;

Mexerica
Faca
Azeite/Oleo
Fosforos/isqueiro

Modo de fazer



1.Corte a casca, e somente a casca em volta da mexerica.


2. Passe o dedo por dentro da casca para soltá-la. 
A parte de cima, onde o galho segura a fruta, e onde o pavio (natural) fica.

3.Coloque azeite o suficiente para deixar a pontinha do pavio para fora.

4. Acenda sua vela!







Video de como fazer.




Importante:

Se houver fibras soltas (fiozinhos brancos) dentro da casca que não sejam o pavio principal remova- os para evitar que peguem fogo.

Deixe a vela queimar sobre uma superficie, não  inflamável 
Você pode usar um prato de porcelana/vidro.

Nunca deixe a vela acessa sem supervisão.


Beijinhos
Ana

11 de junho de 2013

Colheres e Porta Facas pintados





Como quase todas as outras ideias que surgem essa foi também inspirada pelo Pinterest.



Falando nisso, se você ainda não me segue no Pinterest aqui esta o Link.



Ao invés de comprar colheres novas para pintar, resolvi pintar as minhas queridas "queimadinhas".


O processo é mega simples.


1. Lave e seque completamentes as colheres.



2. determine a parte a ser pintada.
Eu usei durex, mesmo.




 2. Pinte as colheres com uma tinta acrilica da cor desejada. 
Eu passei duas camadas.


3. Deixe secar bem e retire o durex.



Para o porta facas o processo é o mesmo. 
Eu passei duas camadas de tinta e pintei, inclusive, em baixo dele.








Agora fico imaginando outras cores. 
Dourado ou prata para as colheres deve ficar lindo, não!?


Bejinhos
Ana


24 de maio de 2013

Uma tarde com a Chloe...

No meu blog de fotografia  mais fotos de uma tarde de fotos, oops,..
...30 minutos de fotos com a Chloe.




beijinhos,
Ana

16 de maio de 2013

Novas fotografias

Acabei mais um curso de fotografia (meu 6o.) e minha inspiração  para o trabalho final desse curso foram pinturas antigas. 

Abaixo uma das fotos. 
Para ver as outras, por favor, visite e curta minha pagina no facebook ou anaszilagyiphotography.



Beijinhos
Ana

14 de abril de 2013

Jardim Botânico Bronx NY

Amo ir ao Jardim  Botânico.

Ontem com o início da primavera e com a Exposição de Orquídeas tudo estava muito mais belo.






























Que seu dia tenha ficado mais belo!
Obrigada pela visita!

beijinho
Ana